segunda-feira, 21 de julho de 2014

Isso é uma "fase"

Hoje estou num dia mau. Daqueles dias em que acordamos com o peso do mundo nas costas, naqueles dias em que achamos que não vamos ser capazes de fazer as 1001 coisas que temos para fazer. Hoje adormeci, dormi e acordei assim. Acho que pela 1ª vez desde que fui mãe senti o peso de um cansaço a sério. Como já referi várias vezes a Maria sempre foi um anjinho, sempre comeu e dormiu bem, sempre se comportou lindamente em todo o lado. E disse bem, sempre “foi”. Está mais engraçada que nunca, faz carinhas, brincadeirinhas mais fofas que nunca mas, e há sempre um mas, está mais chatinha que nunca. "É uma fase" é o que toda a gente me diz. Mas esta fase tem trazido todos os meus medos ao de cima. Sempre achei que ia ser castigada pelo universo e ia ter a filha mais birrenta do mundo, aquela criança que só faz asneiras e está sempre pronta para me desafiar. Lembro-me tantas vezes de olhar para crianças/bebés em locais públicos e pensar que se fosse eu fazia assim e assado e este fim-de-semana fiquei tantas vezes parada a olhar para  Maria sem saber o que fazer, o que dizer perante as birras de um ser com apenas 10 meses. Ela conseguiu tirar-me todas as certezas. Não é fácil educar uma criança. Parece um cliché, mas é tão verdade. O que se faz quando um bebé de 10 meses se contorce e grita como se a matassem todas as vezes que lhe quero mudar a fralda, ou vestir, ou calçar uns sapatos. O que se diz a uma criança de 10 meses que não pode sair a dar estaladas e arranhões e puxões de cabelo a toda a gente que vê pela frente, só porque sim. “É uma fase” eu sei… mas hoje acordei desmotivada e impotente. Passei um fim-de-semana de birras e choros constantes sem perceber muito bem porque. Está doentinha eu sei, mas já estava nessa fase antes de estar doente, e esta fase tem sido pior que a fase anterior. Como diz uma amiga minha… eles estarão sempre numa fase. E hoje acordei com receio do que por ai vem. O meu bebé fofo e lindo está transformado num diabinho! Já sei o que vão dizer: É uma fase! (eu sei!!!!!)


1 comentário:

  1. Compreendo perfeitamente, pois também tenho passado por muitas "fases" com o Baby Boy! Tinha um bebé tranquilo, a comer de tudo e a dormir noites completas e agora é uma criança que rejeita a sopa, corre por todo o lado e acorda várias vezes durante o sono. Queixo-me algumas vezes, mas depois penso que ele é feliz e saudável e isso é que é importante!
    Sei que sou menos tolerante quando estou cansada e desmotivada, por isso tento arranjar alguma coisa que me anime para inverter esta situação e conseguir aturar um bocadinho melhor as birras (que não são nada fáceis!!!!).
    Momentos passados com o marido (um fim de semana, por exemplo), programas com amigas, uma ida ao ginásio, caminhar num parque e tudo aquilo que gostamos de fazer e nos dá tranquilidade também ajudam a combater estes níveis de tolerância zero :)
    Que venham as fases. Nós, mães, estamos aqui para recebê-las e tratá-las da melhor forma :)
    Beijinhos

    ResponderEliminar

Comentar...