segunda-feira, 25 de fevereiro de 2013

Exponor Inhouse



Este fim-de-semana  foi dedicado decoração. Fui a Matosinhos à Exponor Inhouse.
Assim o comentário que mais me apraz fazer é o seguinte: 2 pontos acima da Feira do Móvel em Paços de Ferreira, mas nada de espectacular. Há o cuidado de não se apresentarem os moveis todos em cima dos outros mas não achei assim para cima de espectacular, que era isso que eu queria.
 Poucos stands, pouca gente, assim a coisa a meio gás. De destacar dois stands: o da TGV interiores e o da interdesign, Pelo meio havia ainda um outlet da Kasadecor mas apenas com uma uma duas coisinhas interessantes.  Pronto, soube bem sobretudo o lanche com croissants na marginal de Leça que se lhe seguiu.
De qualquer modo, se gostam de decoração não deixem de lá dar um saltinho... sabe sempre bem...

TGV Interiores


TGV Interiores

Nova loja em Viana do Castelo


sexta-feira, 22 de fevereiro de 2013

Continuo sem perceber..

Lembram-se que vos disse que era uma pessoa relutante no que às coisas fashion diz repeito. Começou a Milan fashion week e olhem como esta moça se aperalta para o evento. OMG ! É street style para muitos para mim é pegar em tudo o que há no armário, sair de casa sem olhar para o espelho e aparecer!


Fonte: My True Options

quinta-feira, 21 de fevereiro de 2013

Random Things

Adoro espaços simples mas muito acolhedores e há pormenores que fazem a diferença. Deixo-vos algumas sugestões.











quarta-feira, 20 de fevereiro de 2013

Decoração de festas para bebés.. Parte II

Lembram-se de um dos meus primeiros posts em que vos falei que uma amiga estava a preparar a festa de batizado/aniversário das suas meninas? Pois bem, a festa parece que foi um sucesso. As gémeas estavam lindas e tiveram uma festinha à altura. A mãe a uma amiga trataram da mesa das sobremesas e da decoração. Digam que não ficou mesmo lindo?! Quando as coisas são feitas com muito amor é este o resultado.







segunda-feira, 18 de fevereiro de 2013

Hoje não me apetece falar de decoração...

Olá, espero que o fim de semana tenha sido bonzinho. O meu foi assim parecido com o tempo, o Sábado começou cheio de raios de sol e energia e o domingo choquinho, cheio de chuva e frio (mais um  dia do pijama).
Hoje não me apetece falar de decoração mas sim de cosmética. No ano passado antes da viagem a Bruxelas para visitar a M. descobri as maravilhas dos BB Cream. O promotor da Dior falou-me tão bem deste creme que tive de experimentar. Desde então fiquei fã. Uso o Hydra life BB cream da Dior e adoro. É leve, tem uma cobertura melhor do que muitas bases, é hidratante e tem fator de protecção 30+. Adoro. Mas agora ando com a pulga atrás da orelha. Surgiram o CC cream que prometem milagres, 12 beneficios para a pele e esconder todas as imperfeições. Hum... interesting... Li um pequeno artigo na Rue Magazine e fiquei curiosa por experimentar. Será ainda melhor? Alguém já experimentou?

Source: ruemag.com via Ana on Pinterest



sexta-feira, 15 de fevereiro de 2013

Não me importava nada

Adoro casas cheias de luz. Janelas enormes e cheias de charme. Não me importava de ir para ali passar uns dias. E vocês?






quarta-feira, 13 de fevereiro de 2013

Maison du chocolat

Chocolates a prenda que todos gostamos de receber... eu pelo menos gosto! Não sou viciada, gosto e pronto. Mas o que me surpreende realmente no mundo do cholocate são as Maisons du chocolat. São sempre espaços tãaaaooo bonitos. Na minha viagem a Bruxelas a minha amiga M. arrastou-me (e à F. também) até à Pierre Marcolini no Grand Sablon. Claro que para mim o edifico e a decoração da loja foram o melhor da visita, mas a M. saiu de lá com uma colecção de trufas. Altamente recomendadas para os apreciadores. 
Vejam abaixo algumas das lojas de chocolate mais magnificas e digam que não são lindas.?!




















segunda-feira, 11 de fevereiro de 2013

Hoje sinto-me triste....


Olá a todos, espero que o fim-de-semana tenha corrido pelo melhor. O meu foi dececionante.
No Sábado, acordei para lá de mal disposta e ainda por cima toda dorida da aula de Crossfit do dia anterior mas, moça forte que sou, arregacei as mangas e lá fui rumo à Capital do Móvel. Foi deceção em cima de deceção.

Era o dia em que eu pensava que ia começar a ver os móveis para a minha sala. Achava eu. Sim, eu que tinha feito os trabalhinhos de casa, levava tudo pensadinho: os tons, nos modelitos, os “Must-have” e eis que chego à terra dos móveis e só me dava vontade de chorar.

Porque senhores do meu país? Porque não pegam nas revistas de qualidade que existem por esse mundo fora e se inspiram? A Ângela da “ Blanco Interiores” já falou neste “probleminha” da nossa indústria do mobiliário e eu assino 1000 vezes por baixo se for preciso, é tudo igual. Porta sim, porta sim, as coisas repetem-se. Não tiro a qualidade aos móveis, nem é disso que estamos a falar, mas podiam apostar em coisinhas menos espampanantes e criarem opções mais sofisticados mas sem caírem no excessivo. Vi tanta cadeira manhosa, pés dourados e estofos de veludo, sofás com tecidos de fugir, aqueles sofás todos robotizados que mais parecem de hospital, aqueles conjuntos de sala de estar que mais parecem jogos de Tetris que pararam a meio, ai e aqueles quadros cheios de glitter? Onde é que viram que isso se usava? Hum? Onde é que isso fica bem? Vim de lá tristinha que nem um cachorrinho abandonado.

Eu sei que não devia ter andado a inspirar-me em coisas que custam 5 vezes o meu orçamento, que não devia ter começado a ver Minotti e afins, sei disso, mas gosto o que é que vou fazer? E sabem do que tenho medo? Mas, mesmo muito medo? É que aquele género se entranhe me mim e dê por mim a comprar um sofá em forma de mão.

Se conhecerem algum sítio que fuja a estes padrões façam o favor aqui à menina e divulguem!

P.S. Eu só queria coisinhas assim:









sexta-feira, 8 de fevereiro de 2013

Dicas de Decoração por Débora Aguiar

Descobri esta decoradora numa das muitas pesquisas que fiz na Internet. É Brasileira, tem muito bom gosto e as decorações fazem lembrar as casas de telenovela pelas quais eu babo desde pequenita. Vejam algumas dicas.

quinta-feira, 7 de fevereiro de 2013

Tendências, sim ou não?


Sou fã incondicional do programa “Querido Mudei a casa”, gosto do conceito, da alegria que de quem vê um espaço transformado, da magia por detrás do programa. Imaginava-me a fazer aquele trabalho todos os dias. Tive já duas experiências em que mudei o quarto de crianças e senti-me tão mas tão feliz ao fazê-lo. Trabalhei horas a fio e adorei, nunca me senti aborrecida nem cansada. Ver a reação das pessoas é fabuloso.

E o que é que isto tem a ver com tendências? Não muito, mas foi ao ver este programa que descobri uma das tendência dos últimos tempos que menos gosto. Passo a explicar, há uns largos meses comentava com uma amiga através de sms enquanto víamos uma transformação (julgo que de uma cozinha) em que nos apercebemos da panfernália de tralha que metem em cima das mesas e dos passarocos que passaram a figurar em papeis de parede e como adornos. Não gosto. Detesto mesmo! Faz-me lembrar algo démodé por mais que digam que estão a reinventar tendências. Era incapaz de forrar uma parede com papel cheio de pássaros e encher uma mesa cheia de tralha misturada com pássaros de todos os tamanhos e de rabos espampanantes e compridos.

Uma outra tendência que tenho reparado em tudo que é site da especialidade são as cabeças de veado espalhadas desde o WC até aos quartos. OMG.

Sou uma pessoa resistente a muitas tendências, desde a roupa, calçado  até na decoração da casa. Não consigo perceber o que há de fashion em usar uma camisa apertada até ao colarinho, ou usar uma camisola de lã grossa por cima de uma saia de seda, ou uns pantufos de veludo na rua. Não consigo entender, perdoem-me fashionistas. Da mesma maneira que não consigo perceber como é que alguém se pode sentir confortável num quarto com uma cabeça de veado ou com uns singelos corninhos espetados na parede.

Resumindo passarocos e cabeças de veados definitivamente não são algo a seguir. Acho horroroso entrar numa sala de estar ou num quarto dar de caras com uma cabeça de veado espetada na parede. A BIG NO. E vocês o que acham disto?


Querido Mudei a casa 





quarta-feira, 6 de fevereiro de 2013

Um cheirinho a primavera...

Eu e a primavera não temos uma relação fácil. São as alergias, é o pingo no nariz, os espirros a toda a hora, é a única época do ano em que me sinto uma viciada porque não sobrevivo sem o meu amado Xyzal.
Mas a primavera deixa-me mais animada, lembra-me que o verão está mesmo ai e que muito em breve o solinho vai fazer parte dos meus dias... Sou uma pessoa que precisa de sol e quentinho. 
Quando vi as imagens que coloco abaixo apeteceu-me começar a alterar a decoração um bocadinho de inverno que tenho no meu quarto e apesar de ser uma pessoa de padrões geométricos estas almofadas despertaram o meu interesse.. são tão fresquinhas... lembram tanto o verão... Não acham? E ficam bem em salas de estar, em quartos... em todo o lado. 







Adore Magazine


terça-feira, 5 de fevereiro de 2013

Inspirações

Depois de um fim de semana que passou a voar sem tempo para nada, cá estou eu de volta.
No sábado dei um saltinho ao Porto para assistir à Peça de Teatro "As mulheres não percebem..." na companhia das meninas mais queridas do mundo. Soube bem. Sabe sempre bem estar na companhia de pessoas de quem gostamos muito e deu para rir a bom rir... ("Go Rosa, Go Rosa...") foi giro!
Hoje estou de volta para vos mostrar algumas imagens inspiradoras. Há um elemento comum! Qual será?

 Adore Magazine

  Adore Magazine

  Z Galerie

  House of Turquoise

House of Turquoise



 Adore Magazine


 Adore Magazine

 Adore Magazine