quinta-feira, 7 de fevereiro de 2013

Tendências, sim ou não?


Sou fã incondicional do programa “Querido Mudei a casa”, gosto do conceito, da alegria que de quem vê um espaço transformado, da magia por detrás do programa. Imaginava-me a fazer aquele trabalho todos os dias. Tive já duas experiências em que mudei o quarto de crianças e senti-me tão mas tão feliz ao fazê-lo. Trabalhei horas a fio e adorei, nunca me senti aborrecida nem cansada. Ver a reação das pessoas é fabuloso.

E o que é que isto tem a ver com tendências? Não muito, mas foi ao ver este programa que descobri uma das tendência dos últimos tempos que menos gosto. Passo a explicar, há uns largos meses comentava com uma amiga através de sms enquanto víamos uma transformação (julgo que de uma cozinha) em que nos apercebemos da panfernália de tralha que metem em cima das mesas e dos passarocos que passaram a figurar em papeis de parede e como adornos. Não gosto. Detesto mesmo! Faz-me lembrar algo démodé por mais que digam que estão a reinventar tendências. Era incapaz de forrar uma parede com papel cheio de pássaros e encher uma mesa cheia de tralha misturada com pássaros de todos os tamanhos e de rabos espampanantes e compridos.

Uma outra tendência que tenho reparado em tudo que é site da especialidade são as cabeças de veado espalhadas desde o WC até aos quartos. OMG.

Sou uma pessoa resistente a muitas tendências, desde a roupa, calçado  até na decoração da casa. Não consigo perceber o que há de fashion em usar uma camisa apertada até ao colarinho, ou usar uma camisola de lã grossa por cima de uma saia de seda, ou uns pantufos de veludo na rua. Não consigo entender, perdoem-me fashionistas. Da mesma maneira que não consigo perceber como é que alguém se pode sentir confortável num quarto com uma cabeça de veado ou com uns singelos corninhos espetados na parede.

Resumindo passarocos e cabeças de veados definitivamente não são algo a seguir. Acho horroroso entrar numa sala de estar ou num quarto dar de caras com uma cabeça de veado espetada na parede. A BIG NO. E vocês o que acham disto?


Querido Mudei a casa 





2 comentários:

  1. Já estás aí a mandar a indireta porque eu não te dei uns pantufos nos anos... Eu sei que querias muito e ficaste triste. Vou tratar disso para este ano. Pantufos com faisões. UM MUST!

    ResponderEliminar
  2. Tens toda a razão! Há tendências intragáveis, quer na moda, quer na decoração. Eu acho que tinha pesadelos com uma cabeça de Bambi dessas espetada numa parede! Outra coisa que não suporto, são as decorações a lembrar a Savana, com prints de leopardo, zebra, tigre e tudo o mais! Há pessoas, na minha modesta opinião, que exageram e a decoração acaba por ficar com um "ar muito pesado"! **

    ResponderEliminar

Comentar...