segunda-feira, 21 de janeiro de 2013

A decorar a casa... Sofás - a obsessão dos últimos dias


O ano de 2012 foi um ano cheio de mudanças na minha vida.  Muitas boas, outras nem por isso, mas foram mudanças e daquelas grandes.
Em 2012 decidi, juntamente com a minha cara-metade, comprar uma casa. A compra demorou 10 vezes menos tempo que a decisão de comprar. Visitamos dois ou três apartamentos e apaixonei-me pelo primeiro que visitei. Na verdade eu já ia apaixonada. Andei a “flirtar” com as imagens em 3D dias a fio. O meu grande receio era se as imagens iam corresponder às minhas elevadíssimas expectativas. E corresponderam. Os meus olhos brilhavam com os pormenores que conseguia ver através de um chão todo empoeirado e de papéis e mais papeis que insistiam em tapar tudo o que queria ver prontinho. Convencer a minha cara-metade foi fácil, uma garagem de 50m2, um terraço de 90m2 e uma área útil de 200m2 a menos de 2 minutos do emprego… impossível dizer que não.
A partir do SIM definitivo o meu cérebro não mais parou… Li revistas e mais revistas, colecionei blogs de decoração, cheguei a visitar dezenas por dia… este entusiasmo tomou conta de mim, descobri inspirações, pessoas incríveis que amam o que fazem como a  Ângela da Blanco Interiores, e a decoração passou a fazer parte do meu dia. Passei fins-de-semana agarrada ao computador a procurar papéis de parede, inspiração de móveis, quartos de sonho, salas de encantar… até que assentei os pezinhos no chão e percebi que a coisa ia ter que ser feita bem mais de-va-ga-ri-nho.
Comecei pelo quarto, casas de banho, depois pelo quarto de hóspedes e o restante espaço está assim em “banho-maria”. Talvez este ano consiga terminar a sala. Maluquinha como sou já comecei a engendrar projetos na minha cabeça. Tenho que escolher o sofá, tudo vai partir daí (pelo menos estou convencida que sim) e mostro-vos hoje um bocadinho daquilo que já está na minha lista. Não vai ser fácil escolher. A cor está praticamente escolhida: cinza.  E vocês o que acham? Gostam? 





Masculino eu sei! Mas tem qualquer coisa. Será a cor?
Minotti

Vejo tantas possibilidades em ti...
Minotti
O tecido destes cadeirões é  fabuloso.
Homestyling
Amo o pormenor dos rolinhos atrás das almofadas. Imagino o Sofá em cinza e estes rolinhos cinza com um rebordo muito fininho branco. Lindo!
Homestyling
Um complemento ideal para uma sala que precise mais que um sofá de 3 lugares
Minotti

Elegante, com muitos lugares e sem ser pesado.
Minotti

3 comentários:

  1. Cinza é uma boa cor. Se for muito escuro irá fartar-se do sofá passado uns tempo, falo por experiência própria! Mas se for um cinza claro é a cor ideal, pois fica bem com todas as cores! E é fácil de conjugar com outros materiais, tipo madeira, metais, etc. Boa escolha! :)

    http://setemenosumquarto.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  2. Adoro o cinza. É uma boa aposta! E dá com imensa coisa :)
    A Area está com promoções nos sofás!

    ResponderEliminar
  3. Adorei a ideia da primeira foto e apesar da divisão ser um pouco escura e masculina confesso que fica com aquele ar 10 vezes mais acolhedor do que em tons muito claros e neutros. Além disso para quem tem muita claridade há a permissão para se ser mais ousado pelos tons escuros.
    p.s. passava já a tarde toda naquela chaise longue do sofá cinza com um chazinho na mão e um bom filme em frente. :)

    ResponderEliminar

Comentar...